Experiências

Pé na areia no Nordeste

4 dias

Quatro destinos na Bahia e no Ceará para aqueles que adoram belas praias.

Adicionar aos favoritos Remover dos favoritos

A região Nordeste é um paraíso de praias e de natureza que vai muito além de seus destinos mais conhecidos. Em todos os estados há pequenos recantos, vilarejos, paisagens e segredos que valem a pena serem descobertos.

Esse roteiro leva você a alguns desses lugares na Bahia e no Ceará. Você só vai querer sair da areia pra entrar na água.

Destinos de
desta experiência
Aracati
Caucaia
Ilhéus
Trancoso
Dia
Adicionar aos favoritos Remover dos favoritos
Dia 1
De recanto hippie a paraíso turístico

Descoberto pelos hippies nos anos 1970, Trancoso foi, durante muitos anos, um pequeno vilarejo à beira da praia. Na última década, conheceu um grande crescimento e hoje abriga pousadas e resorts sofisticados, além de lojas de grife e restaurantes chiques. A proximidade com Porto Seguro, a 40 km dali, ajudou a aumentar o fluxo de visitantes.

No entanto, apesar de ter mudado, o lugar não perdeu seu charme: a praça principal, chamada Quadrado, ainda não tem iluminação pública, os carros estão proibidos de circular no centro e algumas de suas praias só são alcançáveis após uma caminhada.

A Praia do Rio da Barra, a 5 km de Trancoso, é uma dessas. Mas o esforço de ir até lá vale a pena, pois está cercada de falésias e piscinas naturais e ainda tem um rio que desemboca no mar. Se sentir fome, aproveite que o local conta com um bom restaurante.

Outra praia imperdível é a do Espelho. A 22 km do centro, é mais facilmente acessível de carro. Tranquila, de mar esverdeado, é particularmente bela na maré baixa, quando se revelam suas piscinas naturais e formações de corais. A estrutura de bares e restaurantes também é boa.

  • Destaques da Experiência
  • Atracão
  • Aeroporto

Ótimo para

Caminhada, Mergulho, Observação de fauna e flora, Passeio, Trekking

Dia 2
Praias escondidas

Paraíso próximo a Ilhéus e a 400 km de Trancoso, Itacaré abrigou muitas fazendas de cacau até os anos 1960, quando uma praga dizimou as plantações da região. Hoje, renovada e com uma estrada asfaltada chegando até lá, tornou-se um disputado destino, cercado de natureza e água.

A Prainha de Itacaré é acessível com guia contratado no local, que leva você a um pequeno paraíso escondido em meio à vegetação. Sua bela enseada de forma simétrica, com dois morros limitando a faixa de areia, é o cartão postal do município. Possui boas ondas para surfe e apenas uma barraca, que vende itens básicos, como água de coco, bebidas e frutas. É um lugar para se passar o dia inteiro.

No entanto, se você quer conhecer outros lugares, vale visitar a Praia de Itacarezinho. Longa e praticamente deserta, é acessível de carro ou por meio de uma trilha de 30 minutos. Sua larga faixa de areia é ponto de desova de tartarugas. E suas ondas fortes atraem surfistas. Possui boa estrutura, com restaurante e mesas quase à beira-mar.

  • Destaques da Experiência
  • Atracão
  • Aeroporto

Ótimo para

Caminhada, Mergulho, Observação de fauna e flora, Passeio, Surfe, Trekking

Dia 3
A Meca do kitesurfing

Depois de tomar um avião de Ilhéus a Fortaleza, no Ceará, é hora de pegar a estrada e avançar 35 km até o município de Caucaia.

Ali está a Praia de Cumbuco. Um dos cartões-postais do Ceará, é considerada a "Meca do kitesurfing mundial", por suas condições perfeitas para a prática do esporte. Mas ela oferece muito mais: você pode escolher entre passear de buggy, de quadriciclo ou de cavalo, se preferir terra firme; ou ainda de jangada, se é apaixonado por água.

Seu mar quente e visual fantástico chamam ao descanso. Suas altas dunas convidam ao deslize de esquibunda (esqui sentado em um pedaço de madeira). E seus restaurantes atraem os turistas a provar as inúmeras delícias locais preparadas na hora.

Ali perto está o Lagamar – ou Lagoa – do Cauípe, área de proteção ambiental formada pela foz do Rio Cauípe. É ótima para passear de buggy, fazer kitesurf e windsurf e observar o encontro da água doce do rio com a salgada do mar, cercado de inúmeras espécies de aves e peixes.

  • Destaques da Experiência
  • Atracão
  • Aeroporto

Ótimo para

Caminhada, Cavalgada, Kitesurf, Mergulho, Observação de fauna e flora, Passeio, Vela

Dia 4
Jangadas e Broadway

A 190 km de Caucaia estão Aracati e a Vila de Canoa Quebrada, outro recanto descoberto pelos hippies (e pelos cineastas franceses da Nouvelle Vague), nos anos 1960, que transformou uma pacata vila de pescadores em agitado destino turístico, capaz de atrair visitantes do mundo inteiro. A presença estrangeira é tão marcante que lá existe uma rua chamada Broadway, cheia de bares, restaurantes e casas de shows.

Apesar da transformação, a Praia de Canoa Quebrada mantém seus encantos. As jangadas de pescadores continuam a cruzar o mar esverdeado e a trazer grande parte da comida servida no local. E as falésias de areias coloridas à beira-mar ainda encantam os visitantes. Se você quer descansar, a melhor época é fora da alta estação (período de dezembro a março), quando o pequeno vilarejo fica tomado de gente de todos os cantos do mundo.

  • Destaques da Experiência
  • Atracão
  • Aeroporto

Ótimo para

Caminhada, Mergulho, Passeio

Aproveite!